Com estréia surpreendente, Ratier traz guerreiros modernos com direito até a model dog na passarela

Mais um estreante brilhou nas passarelas da semana de moda paulista. Renato Ratier, com a marca homônima ao seu sobrenome, desfilou looks urbanistas noturnos inspirados em guerreiros antigos, porém o vintage foi só mesmo a inspiração, pois o que vimos esta noite foram peças modernas, descoladas e bastante fashionistas.

Para lançar sua marca, que possui apenas 2 anos de existência, no São Paulo Fashion Week deste ano, nada mais justo do que uma verdadeira performance artística. Fumaça branca na passarela deu um toque de arte aos harmoniosos passos dos modelos que desfilaram com roupas incríveis.

Expondo looks quase total black, o estilista deu um leve toque rústico colocando partes propositalmente inacabadas em sua coleção, que lembravam roupas e armaduras de guerreiros. Utilizando muito couro, tricô, seda e linho, o artista além do preto, utilizou off white e deu sofisticados toques de laranja em algumas peças.

Mas a sensação da noite foi o model dog Lakã. Inovando em sua espetacular estréia, o estilista colocou um pastor suiço para desfilar, impressionando os entusiastas presentes. 

Artigos Relacionados