Especialista em liderança palestra em Simpósio na Amazônia
Como é importante cantigas do folclore na infância
Videoclipe é gravado com o cenário do Museu da Cidade pela banda ‘Zona Tribal’
A poderosa advogada
O Ídolo manauara
Nutricionista da Nova Geração
O barbeiro da elite manauara
Climate Week – Soluções são apresentadas para o combate às mudanças climáticas no Amazonas
Pousada Amazônia Park & Suítes em Novo Airão
DICAS DE 10 APP´S PARA EDITAR FOTOS E VÍDEOS DOS SEUS FILHOS
Café Armazen296 promove evento com exposição de fotografias e música
Mato Grosso: pousada flutuante Salto Augusto
A diferença entre Leiturinha e PlayKids Explorer
Você contribui para as mudanças climáticas?
5 tradições que você nem sabe que são simpatias
Peças handmade: crochê, bolsas artesanais e elementos naturais na moda
Escalada no meio da selva amazônica
previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Atenção, pais! Crianças pequenas não devem comer iogurte colorido

By  |  0 Comentários
Compartilhe nas Redes Sociais

Aquele famoso iogurte infantil, cuja propaganda garante que uma porção dele vale por um bifinho, não é uma comida recomendada para crianças até 4 anos. Isso porque na fórmula estão incluídos corantes, conservantes e grande quantidade de açúcar. “Não é um alimento indicado para crianças pequenas, têm excesso de açúcar, além de corantes, aromatizantes e conservantes”, afirma a pediatra Nathália Sarkis, do Hospital Santa Lúcia.

A pediatra acrescenta que, para crianças maiores, o iogurte colorido até pode ser incluído no cardápio, mas não deve ser dado como sobremesa pós-almoço. O cálcio presente na fórmula dificulta a absorção do ferro ingerido na refeição principal. “Não acho uma boa escolha e, de maneira nenhuma, vale como um bifinho”, reforça Nathália Sarkis. A recomendação médica é que as crianças só sejam apresentadas ao açúcar depois dos dois anos de idade. Antes disso, a indicação é que o sabor doce venha apenas das frutas. A partir de um ano de idade, além das frutas, o mel pode ser incluído no cardápio.

Receita
A nutricionista funcional Michelle Mendes, da Aliança Instituto de Oncologia, acrescenta que o iogurte tipo petit suisse é um alimento incluído na classe das guloseimas. “Não é como um iogurte, que pode fazer parte de um hábito diário, é algo que só deve ser comido excepcionalmente”, explica. De acordo com ela, mesmo para crianças a partir de 4 anos de idade devem ser feitas restrições. “A quantidade de açúcar presente na fórmula corresponde a 1/3 da recomendação máxima para a idade”, lembra.

Michelle Mendes indica uma alternativa caseira mais saudável: bater o iogurte natural integral, com banana congelada e morangos frescos. “A consistência fica bem parecida, é uma delícia”, aponta.

Fonte: https://www.metropoles.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.