Rodrigo Ezagui: O empresário consolida 12 anos de empresa.

ezagui

 

A revista Em Visão reafirma a cada ano, seu compromisso de excelência com o conteúdo para seus leitores no mercado do norte do Brasil, solidificando sua proposta como uma revista de luxo. Com novas propostas, e determinada a escolher uma capa masculina bastante expressiva e que agregue sucesso, talento, empreendedorismo e um espírito jovem; descolado e austero. Para celebrar e eternizar este momento bacana de celebração dos doze anos da Em Visão, convidamos Rodrigo Ezagui: 1,85 de altura, 84 Kg de geração saúde, apreciador de um bom vinho, prefere as montanhas à praia, quando é surpreendido vê-se desarmado, determinado, um traveller nato, estiloso e apreciador de grifes como Armani, Diesel, Burberry, Porsche, Design, Louis Vuitton e Ricardo Almeida, retratam seu estilo único e marcante .

Nesta edição Rodrigo é capa masculina da revista Em Visão. Sua empresa, Infinite, é sinônimo de comunicação visual em Manaus. De um backdrop badalado, até uma luxuosa festa, a Infinite é exemplo de profissionalismo e qualidade nos serviços prestados. Rodrigo acredita em destino ao invés de sorte; este falando mais alto fazendo-o ser capa desta edição comemorativa no mesmo ano que ele também completa 12 anos de carreira. Uma coisa é certa; dedicação e foco foi necessário para chegar ao topo em sua carreira. Traçou estratégias, planejou sua empresa nos mínimos detalhes, construindo desta forma seu nome no segmento de comunicação visual. Colhendo os frutos do sucesso e em constante busca pelo futuro, viajando pelo mundo, desfrutando assim o resultado que seu trabalho lhe proporciona.

Como iniciou sua carreira? Você sempre teve este espírito empreendedor?

Meu interesse por arte e designer vem desde a infância, sempre gostei de desenhar e de fazer trabalho escolares diferenciados, usando de arte e criação. Minha carreira na área de sinalização deu-se inicio em 1996 quando fui trabalhar em uma empresa da área de comunicação visual. Me identifiquei desde o inicio com a área e logo me destaquei em desenhos, criação de adesivos, etc. 

De onde veio a ideia de criar a Infinite?

A ideia de criar meu próprio negócio sempre esteve nos meus planos, mas acho que na vida temos que saber dar um passo de cada vez, foram praticamente 12 anos após começar a trabalhar na área, nesse tempo trabalhei em 3 empresas e um tempo como autônomo, até em 2008 nascer o CNPJ Infinite. Todo esse tempo antes de abrir minha própria empresa serviu para ficar conhecido pelo trabalho de qualidade e profissionalismo, tudo isso foi essencial para fazer o meu nome e consequentemente ter sucesso no meu empreendimento.

De onde veio o nome da empresa? Hoje quando pensamos neste nome na sinalização visual a gente pensa em que?

Na verdade o nome veio do carro né (risos), ai acabei colocando o “Infinity” com “e” no final pra ficar diferente e exclusivo. Quando pensamos em Infinite pensamos em possibilidades infinitas de comunicação visual, uma verdadeira infinidade de serviços que podemos oferecer.

Hoje em dia quais são os principais serviços prestados?

Hoje a INFINITE é conhecida na cidade por seus projetos ousados e qualidade nos serviços, onde abrangemos todo tipo de sinalização, desde um pequeno adesivo a grandes projetos, sinalizando deste uma empresa até uma festa. Além disso trabalhamos com banners, faixas, back-lights, front-ligts, painéis, placas, letra caixa, troféus, e muito mais. Nós não somos uma empresa de placas apenas, somos uma empresa de comunicação visual, esse é um grande diferencial.

Que tipo de materiais utiliza?

O material varia de acordo com a necessidade do serviço, em fachadas é usado estrutura metálica com revestimento ou em chapa, ACM, brise, lona entre outros. Para envelopamento de veículos são usados adesivos de diversas especificações, além de outros materiais como PVC, ACRILICO, Policarbonato Aveolar ou compacto entre outros.

Qual é o diferencial da marca?

Hoje somos a única empresa de sinalização em Manaus que desenvolve e apresenta o projeto completo de uma fachada ou serviço, usando o meio arquitetônico de maquetes eletrônicas em 3D, dando ao cliente uma visão final de como o serviço vai ficar. Além disso também fazemos a obra por completo mesmo se adicionarmos vidro ou alvenaria ao projeto. Outro diferencial é na qualidade dos produtos utilizados, fazemos um serviço que dure, não entregamos algo que vá estragar em pouco tempo e dar dor de cabeça para o cliente tendo que refazer.

Em tantos anos de empresa e atingindo o topo do sucesso da marca, existe alguém ou algumas pessoas que fizeram o diferencial nesta sua ascensão?

Bom, na verdade quando criei a empresa um dos meus principais clientes foi a Gradiente, eu já trabalhava com eles na outra empresa e quando abri o meu próprio espaço eles migraram comigo. Foi um cliente que fez todo o diferencial no início e que possibilitou a entrada de outros grandes clientes também. Logo depois veio o Porto Chibatão, eles acreditaram no meu serviço e forneci e forneço até hoje serviços para eles. Por ser um cliente também muito grande, foi uma alavancada na carreira e agradeço muito a eles por terem apostado em mim na época.

Como você administra tanta logística a fim de cumprir os prazos previstos?

Essa é uma parte complicada dessa área, pois normalmente a sinalização é uma das últimas etapas para qualquer empreendimento e o prazo sempre é curto, mas graças a Deus e a uma equipe profissional altamente capacitada nós conseguimos cumprir com nossos prazos.

Em algum momento você pensou em desistir?

Não, em hora nenhuma. Sempre acreditei no meu potencial e por isso dei o máximo de mim mesmo. Quando trabalhamos com o que gostamos na verdade não é trabalho né, vira até diversão, por isso sempre trabalhei muito.

Existe segredo para o sucesso?

  • Muito trabalho
  • Dar o seu melhor sempre
  • Honestidade

Quando não está à frente da empresa o que costuma fazer?

Isso é difícil de acontecer, pois mesmo quando estou em viagem não consigo deixar de estar à frente da empresa, mas quando tenho tempo, gosto muito de viajar.

Quais são os planos para o futuro?         

Investir em equipamentos novos, agora mesmo no segundo semestre estarei indo para a feira internacional de sinalização para trazer novidades para cá. Todo final de ano eu estipulo metas a serem cumpridas no próximo ano, assim que consegui até hoje crescer cada vez mais nos negócios. A meta para este ano era fazer a Infinite ficar ainda mais conhecida, tenho investido muito nisso e tem dado muito certo.

batebolaezagui

Artigos Relacionados