Passo a Paço vira evento oficial no calendário de Manaus após projeto de lei

Compartilhe nas Redes Sociais
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Consolidado como um dos maiores eventos culturais do Norte do Brasil, o Passo a Paço caminha para ser inserido oficialmente no Calendário Municipal de eventos, para acontecer todos os anos durante as festividades em alusão ao aniversário de Manaus. Na manhã desta segunda-feira, 9/9, projeto de lei (PL) n. 029/2019, de autoria da vereadora Professora Jacqueline (Podemos), foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e segue agora para a 3ª Comissão de Finanças, Economia e Orçamento. A intenção é discutir a proposta já nesta quinta-feira, 12/9, e a tendência é que seja homologado até o final desde mês.

Segundo o líder do prefeito na CMM, o vereador Marcel Alexandre (PHS), a iniciativa é fundamental para manter o projeto de revitalização do Centro Histórico de Manaus além de incentivara cultura, economia e social.

“Com a ideia de colocar o Passo a Paço como uma politica de Estado e não apenas de governo, o evento permanecer para as próximas gestões. O que é importante é que está havendo uma revitalização no Centro, dando uma humanizada, trazendo as famílias para o local. A adesão anual é crescente. Outro ponto favorável é que acaba sendo mais uma opção para o turismo interno e externo. Atingimos mais de 200 mil pessoas nessa edição. O Passo a Paço é muito importante no ponto de vista cultural, econômico e social”, concluiu o vereador.

Histórico
Lançado em 2015, o Passo a Paço, projeto de ocupação cultural do Centro Histórico de Manaus, vem crescendo a cada edição, assim consolidando-se como o Festival de Artes Integradas da Amazônia. A programação conta com gastronomia, música, teatro, dança, instalações culturais e exposições de artes plásticas, proporcionando novas vivências e experiências ao público em meio ao sítio histórico manauara.

O evento acontece anualmente, no segundo semestre, no entorno do Paço da Liberdade, um dos últimos exemplares da arquitetura neoclássica do Brasil e que hoje abriga o Museu da Cidade de Manaus.

Para o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula, o Festival Passo a Paço representa um marco simbólico do projeto de ressignificação do Centro.

“Fechar o festival com um recorde de público é algo extremamente expressivo e emocionante. O Passo a Paço é mais um passo do projeto da Prefeitura de Manaus para o resgate e a reocupação do centro histórico. Desde 2013, quando o prefeito Arthur Virgílio Neto decidiu ter o gabinete dele no Palácio Rio Branco e priorizou ações como a inauguração do Mercado Adolpho Lisboa, entrega das Galerias Populares, revitalização da Eduardo Ribeiro, entre outras, a prefeitura têm trazido as pessoas de volta ao Centro, para um reencontro com a sua identidade”, ressaltou Bernardo.

Foto: Zeca Barcelos

Fonte: https://todahora.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Open chat
1
Olá!
Bem Vindo a Revista Digital mais querida da Amazônia!
Powered by