Museu Sacaca no Amapá

Compartilhe nas Redes Sociais
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Nossa visita aos museus brasileiros chegou a Macapá, no Estado do Amapá. Nesta bela cidade está localizado o Museu Sacaca (oficialmente, Centro de Pesquisas Museológicas Museu Sacaca), uma instituição cultural e científica, com área de aproximadamente 12 mil metros quadrados. O espaço abriga ações museológicas de pesquisa e preservação, relacionando o saber científico com o saber popular dos povos amazônicos, além de divulgar as pesquisas realizadas pelo IEPA, por meio de exposições e atividades didáticas.

A primeira curiosidade é com o nome “Sacaca”, uma homenagem ao curandeiro Raimundo Santos Souza, que ajudou na difusão da medicina natural no Amapá. Inaugurado em 1997, o museu tem o objetivo de promover ações museológicas de pesquisa, preservação e comunicação. Tem como principal destaque o circuito expositivo a céu aberto, construído com a participação das comunidades indígenas, ribeirinhas, extrativistas e produtoras de farinha do estado.

Foto:Manoel Raimundo

O circuito expositivo é composto da Casa dos Índios Waiãpi, a Casa dos Índios Palikur, o Barco Regatão, o Sítio Arqueológico do Maracá, a Praça do Pequeno Empreendedor Popular, a Praça do Sacaca, a Casa da Farinha, a Casa da Fitoterapia e a Casa dos Ribeirinhos. O rio que corta o terreno serve para a criação de peixes da região e estudos sobre recursos hídricos e potencial pesqueiro.

O acervo do museu reúne peças de interesse científico, abrangendo zoologia (com destaque para a coleção entomológica), botânica e microbiologia, artefatos históricos, etnográficos, arqueológicos e artísticos, adquiridas através de doações, coletas e aquisições, além de fototeca e biblioteca. Destaque também para o acervo audiovisual, formado através de registros realizados pela equipe técnica do museu durante os projetos desenvolvidos pelo IEPA, e um núcleo de produtos desenvolvidos pela própria instituição, como a vela de urucuri (Syagrus coronata), um eficiente repelente de mosquitos transmissores da dengue e da malária, além de cicatrizantes e pomadas de funções diversas.

Foto:embratur

Atualmente, o Museu Sacaca é uma referência regional em tópicos como biodiversidade, desenvolvimento sustentável, medicina natural, etnologia, organização socioeconômica e cultura dos povos amazônicos. Realiza pesquisas próprias e desenvolve produtos a partir de matéria-prima regional – sobretudo produtos naturopáticos, de sabonetes a pomadas para dores musculares, disponibilizados ao público por meio de uma farmácia mantida pela instituição.

Foto:conhecendo museus

Um dos principais destaques do projeto museológico é o circuito expositivo a céu aberto, desenvolvido em parceria com as comunidades tradicionais do Amapá e que tem por objetivo retratar os principais ambientes e formas de organização social da região amazônica. Anualmente o museu realiza o projeto “Museu Vivo”, quando membros destas comunidades são convidados a interagir com os visitantes, exemplificando suas tradições, modos de vida e costumes populares.

Foto:Manoel Raimundo

O Museu Sacaca também realiza palestras, seminários, debates, atividades culturais, exposições temporárias, visitas guiadas e oficinas pedagógicas sobre temas como ecologia, patrimônio e identidade cultural.

Vale muito a pena fazer essa viagem conosco! Não perca este episódio especial do Conhecendo Museus.

Fonte: http://www.conhecendomuseus.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Open chat
1
Olá!
Bem Vindo a Revista Digital mais querida da Amazônia!
Powered by