“Melhor prevenir…”

Você sabia que estamos diante de uma epidemia global de miopia?

A estimativa recente, para 2050, é que 50% da população mundial tenha miopia (OMS). Desses, 10 % pode evoluir para a forma mais grave, alta miopia (graus maiores que -5,00 D).

O que chama atenção é o uso mais frequente de aparelhos eletrônicos, principalmente em crianças. Hábitos esses, cada vez mais precoces. Estudos vêm relacionando o uso de celulares e tempo de exposição às telas, a esse avanço, aumentado assim sua prevalência. No Brasil, esse aumento é maior que a média global, segundo a organização mundial de saúde.

Enquanto que a estimativa da distribuição mundial de miopia gira em torno de 49%, no Brasil, acredita-se que chegará a 89 % entre os anos de 2020 e 2040. Com isso, aumentam-se as preocupações quanto aos riscos de descolamento de retina, degenerações miópicas,  glaucoma  e perda visuais relacionadas ás complicações da miopia. 

No  Brasil, o último levantamento do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), mostra que 60% dos casos de cegueira poderiam ser evitados e 20% revertidos.   Daí a importância de um acompanhamento oftalmológico preventivo.

Dr. Paulo Roberto Silva

Oftalmologista

Artigos Relacionados

Kadu Cabral
Breton apresenta poltrona Trancoso