Passo a Paço 2019 confira a programação da 6ª edição
Atenção, pais! Crianças pequenas não devem comer iogurte colorido
Novo Airão: igarapé de águas vermelhas, geladinho e refrescante!
Instagram sem likes! Começou nesta quarta (17) o teste no App
6 alimentos para turbinar a imunidade das crianças
SERRA DO NAVIO: PEQUENA E BELA NO AMAPÁ
Como lidar com as mentiras das crianças
Quando a criança precisa do atendimento de Terapia Ocupacional?
5 TENDÊNCIAS DE MODA PRIMAVERA VERÃO 2019
O Belissímo Igarapé Cristalino de Jamaraquá
Metodologia STEAM o que é e o que ela pode fazer pela educação dos nossos pequenos?
DIREITOS IGUAIS PARA CLIENTES NOVOS E ANTIGOS
previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Destaques da semana Haute Couture – Por Juliana Perrone

By  |  0 Comentários

Chanel

Criou uma biblioteca no Grand Palais, estréia em desfile de alta costura de Virginie Viard, sucessora de  Karl Lagerfeld.

O cenário foi perfeito para essa coleção que criou um equilíbrio entre o contemporâneo e patrimônio. 

A coleção iniciou um pouco introspectiva com tailleurs com saia, looks recatados dominaram a passarela, como colarinhos altos de estilo eduardiano ou vestidos que lembravam aqueles usados por damas do início do século 20 para cavalgar, vestidos de tweed e looks de festas minimalistas, até a mudança de trilha sonora que trouxe modelos exuberantes e coloridos, vestidos fluidos e ultra bordados. Os modelos usavam óculos, reforçando o contexto do cenário, a designer também trouxe modelos que lembravam roupões, pijamas e peças com organza e plumas.

Cartela de cores em tons de rosas, vermelhos e laranjas com plumas e tecidos esvoaçantes que com o tempo trouxeram feminilidade à Virginie.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Givenchy 

Coleção intitulada “Noblesse Radicale”com volumes majestosos, volumosos, bordados e transparências e cheio de penas como Grand Jardim desenhado por @claireghtkeller para #givenchycouture. Destaque para os penteados um tanto bizarros, tipo moicano que deram no tom dramático em conjunto com alguns looks,  porém mantendo a elegância e beleza.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Valentino 

Coleção lindíssima, saindo das fronteiras e encontrando a opulência no inesperado. Extravagância na cor, forma, no material e crença. #valentinohautecouture por PierPaolo Piccoli  desfilou formas de fluxo livre, embelezou com latenjoulas, strass e franjas trazendo uma atmosfera de auto descoberta.

Cores vibrantes que vão do vermelho, azul celeste ao verde pistache em toda coleção outono inverno 2019/20.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Fendi

No seu desfile de alta costura a Fendi trouxe 54 looks, uma homenagem aos anos em que Karl ficou à frente da Maison.  

Silvia Fendi se inspirou nos cadernos de Lagerfeld para criar uma coleção com padrão e cor únicos com uma técnica de trabalho interessante. Como a estampa de mármore em tecidos leves como organza, mosaicos tradicionais russos e mangas bufantes.

Ao fundo imponente do Coliseu, com um cenário cinematográfico de uma mulher romana, coleção perfeita e elegante do início dos anos 70. O Show foi seguido de um jantar exclusivo com uma de tirar o fôlego de Roma com a presença de Silvia Venturini  Fendi e Serge Brunchewing Ceo da Fendi Maison.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Elie Saab

A coleção outono-inverno 19/20 encontra uma forte inspiração na China e Ásia oriental, culturas ricas em desenhos e histórias passadas de geração em geração.  

Viu-se kimonos com ricos bordados com inspiração imperial, vestidos com silhueta de corte reto, outros volumosos com grandes arcos de cetim, capas lindas até o chão com uma rica combinação de veludo com cetim, formas de onda nos ombros e ombros volumosos fazendo alusão as asas celestiais.  Um luxo em todos os detalhes, como sempre Elie surpreende!

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Ralph Russo

A coleção traduz influência por trás do Art Deco em conjunto com uma celebração ao feminino moderno. Modelos desde o vermelho à tons claros, pedrarias, joias e cristais swarovisk em lugares estratégicos, traduzindo um suavidade em ricos detalhes no corte e tecidos. 

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Jean Paul Gautier

Desfile show ao ritmo de hits dos anos 80’s, destaque para os vestidos de festas com seus seios pontiagudos, golas volumosas que se transformavam em capuzes, cintos largos para marcas a cintura, ombros pontiagudos.

A marca traz o doudoune como o “novo casaco de pele” interpretando  o casaco acolchoado e matelassado em estampas pelos de animais, saias e colares. A noiva encerrou o desfile coberta apenas por uma leve transparente pirâmide e uma calcinha por baixo.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider




 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.