CONHEÇA AS PRAIAS DE SANTARÉM

Compartilhe nas Redes Sociais
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Santarém é conhecido pela grande extensão de praias de água doce. Praias desertas, com dunas, com grandes rochas, com vegetação. Cada uma com uma particularidade.

Encontro dos rios Tapajós e Amazonas: bem em frente da cidade proporcionando um panorama sem igual da cidade e da natureza bem como as suas inúmeras praias de rio no verão Amazônico.

É possível fazer passeios de barco até o ponto de encontro dos rios.

 

FOTO: CRISTINO MARTINS/AG PARÁ

Maracanã: É a praia de água doce e areia branca. O balneário mais próxima do centro de Santarém, localizado a cerca de 10 km do centro comercial. Numa vila de pescadores o local é cercado de barracas, restaurantes e bares.

Na seca uma grande ponta de areia se estende até as águas barrentas do Amazonas. Na cheia o rio costuma chegar nas portas das residências dos pescadores.

A praia é conhecida por oferecer opções em bares e restaurantes. No local é servido o famoso Charutinho, um peixe parecido com a sardinha, frito e acompanhado de farofa e vinagrete. O banhista também poderá degustar as caldeiradas de peixes da região.

Durante a semana famílias tem o hábito de frequentar o balneário, é um local tranquilo e agradável. Nos fins de semana a praia fica lotada, e geralmente há shows de bandas locais.

Há uma linha de ônibus que leva os banhistas até a praia, a viagem demora cerca de 20 minutos. Os ônibus circulam durante o dia e até as 23h00.

O turista também pode optar por táxis que sempre aguardam passageiros na entrada da praia.

Foto:by rogerio

Pajuçara: A praia do Pajuçara tem enormes dunas de areias alvas, e águas profundas e mornas.

Apesar de ser uma praia deserta é muito procurada pelos banhistas.

Tem um restaurante que serve comidas regionais, e bebidas.

O acesso à praia pode ser feito através de veículos ou de barcos.

Lago do Juá: Depois do Maracanã é a segunda praia mais próxima do centro de Santarém sendo também possível o acesso via Maracanã ou de ônibus que sai do centro da cidade.

O lago do Juá é bem conhecido por pescadores e pela beleza da vegetação que o cerca.

O acesso pode ser feito por estrada ou de barco.

Carapanarí: Balneário deserto localizado a cerca de 8,5 km de Santarém. Água límpida e areias brancas a praia se estende no sopé de um morro.

É comum observar pescadores em pequenas canoas. Fica numa ponta de areia que permite a contemplação do pôr do sol.

Ainda não dispõe de serviços de bares e ou restaurantes, no entanto há moradores que gentilmente preparam as refeições aos visitantes a preços moderados.

É possível chegar ao balneário de barco fretado ou em carros particulares.

Arariá: A partir desta praia somente é possível o acesso de veículo particular, a pé a partir da praia do Juá ou de barco fretado em Santarém.

Ponta de Pedras: Este balneário é muito conhecido por enormes de bauxita que se erguem na areia branca. Conforme a época do ano é possível avistar as rochas negras.

A vila de Ponta de Pedras é conhecida pelo ‘Festival do charutinho’ que ocorre anualmente e atrai muitos banhistas.

A praia oferece pousadas com preço acessível, além de bares e restaurantes. A culinária da região pode ser apreciada através de pratos como: Tucunaré no escabeche, ou na manteiga, caldeirada ou o prato mais famoso da aldeia: Charutinho.

Além das comidas regionais o banhista também pode degustar doces de frutas nativas como cupuaçu e caju. O turista pode chegar ao balneário através de ônibus. A estrada que liga a praia à Santarém é de fácil acesso e boa trafegabilidade.

Ponta do Cururu: É uma extensão de areia branca Tapajós adentro. A praia fica bem próxima ao balneário de Alter do Chão.

Outro atrativo do local é a observação dos botos ao entardecer. O local não oferece serviços de bar e restaurantes. Só é possível chegar a este balneário através de barco.

Foto: Erick Jennings

Alter do Chão: É a praia mais conhecida de Santarém. E mundialmente divulgada como o Caribe Brasileiro.

Tem uma Vila pequena e tranquila, com hotéis, pousadas e albergues.

Oferece conforto e comodidade aos visitantes.

Basta atravessar o rio para chegas a uma ponta de areia conhecida como Ilha do Amor. Na praia dezenas de barracas se estendem, são pequenos restaurantes que oferecem comida e bebidas.

Há também uma serra conhecida como: Serra da Piroca. É comum a escalada por grupos de pessoas.

Há passeios por igarapés e pela conhecida Floresta encantada – uma área de vegetação submersa, percorrida de canoa.

Foto: divulgação

Fonte: http://www.santaremtur.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Open chat
1
Olá!
Bem Vindo a Revista Digital mais querida da Amazônia!
Powered by