A internacional Maria Dolores Gasparin

Desde muito pequena esteve envolvida com a arte, começou criando bijoux para si mesma, e foram fazendo sucesso entre as amigas, até que veio um convite de uma grande joalheria para que ela desenvolvesse algumas de suas coleções. A paixão por desenhar joias foi só aumentando. Após quatro anos trabalhando na joalheria ela foi para Florença, na Itália, realizar outro sonho, o de viver naquela cidade que respira arte e também fazer duas especializações na área.  Quando retornou ao Brasil sentiu que era a hora certa de dar seu voo solo, de montar a marca com seu nome. Suas peças traduzem bem o seu trabalho, a paixão, o desejo de mostrar através delas um espírito jovem, contemporâneo e alegre. Recentemente foi convidada, para participar do centro de tendências Bijorhca 2016 de Paris com espaço reservado para seus produtos.

Nova Coleção

Intitulada Pynablu, a nova coleção foi lançada em parceria entre a marca Maria Dolores e Pynablu, marca descolada de São Paulo, da estilista Antonela Frugiui, que veste as paulistanas mais bacanas com seu estilo corajoso de criar roupas. As peças são muito elaboradas, com cortes especiais das pedras (tecnologias bem especiais que poucas indústrias no mundo oferecem), esferas lapidadas uma a uma e processo de confecção bastante demorado. É uma coleção praticamente montada a mão, sugerindo assim um perfume “artesanal” que transporta à peça toda exclusividade e incomparabilidade que a cliente Maria Dolores deseja ter. Todas as pedras são naturais brasileiras e as peças por maiores que sejam, são bem leves. Peças para o dia inteiro. Os anéis têm uma pequena maleabilidade podendo ser usados em qualquer dedo.

A empresária que representa a marca em Manaus se chama Elizabeth Hatherly.  E se sente realizada por estar fazendo um trabalho tão produtivo e exclusivo em nossa capital. “Sou mineira de Juiz de Fora, moro em Manaus há nove anos e tive a oportunidade de representar, com exclusividade, a designer Maria Dolores aqui desde 2012. Conheci as peças em 2011, quando estava morando no Rio de Janeiro, e me apaixonei e tornei-me cliente. Em 2012, meu marido foi transferido para Manaus, desde então comecei a apresentar as peças Maria Dolores à sociedade manauara. As clientes se apaixonam no primeiro olhar. É um vício salutar e prazeroso”, finaliza Beth.

 beth2

(Maria Dolores)

beth3

Encontre:

Instagram: beth_hatherly_md

Fone: (92) 98121≠5423

Artigos Relacionados